Foto: Guilherme Sircili

Segundo balanço divulga­do pelo “Vacinômetro”, fer­ramenta digital desenvolvida pela Secretaria de Comunica­ção em parceria com a Com­panhia de Processamento de Dados do Estado de São Paulo (Prodesp), até as 21h10 desta terça-feira, 20 de julho, Ribeirão Preto havia aplica­do 470.020 doses de vacina contra a covid-19. A cidade já imunizou mais da metade da população com ao menos uma aplicação.

Segundo o site, Ribeirão Preto recebeu mais 34.032 doses de imunizantes na se­gunda-feira (12), saltando de 484.496 para 518.528. De acordo com a ferramenta, 342.726 pessoas já foram imunizadas (primeira dose) na cidade. Estes “ribeirão­-pretanos” representam 48,1% da população, esti­mada em 711.825 pessoas, segundo o Instituto Brasi­leiro de Geografia e Estatís­tica (IBGE).

Outras 15.874 pessoas re­ceberam a vacina da Janssem, em dose única (2,2% dos mo­radores). Ou seja, 358.600 habitantes já receberam ao menos uma dose (50,4%). Além disso, 111.420 recebe­ram a segunda dose (15,7% da população).

Na segunda-feira, 19 de julho, o início da vacina­ção contra a covid-19 em Ribeirão Preto completou seis meses. Em 19 de ja­neiro, o Hospital das Clí­nicas da Faculdade de Me­dicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (HCFMRP/USP) começou a vacinar os profissionais de saúde da instituição que atuam na linha de frente de combate ao coronavírus.

A cerimônia aconteceu na Unidade Campus, na Cidade Universitária, Zona Oeste, e marcou o início da imunização contra a co­vid-19 na cidade. A pri­meira a receber a dose da Coronvac foi a técnica de enfermagem Maria Luci dos Santos, de 44 anos. Malu atua no HC há três anos.