A dupla Zé Neto e Cristiano fez uma live no último dia (05/06), transmitida em seu canal no YouTube. Com banda completa e participações especiais, os artistas fizeram uma aposta e quem perdesse deveria colocar o uniforme do time do ganhador.

Zé Neto, torcedor do Palmeiras, perdeu e cumpriu com a promessa, vestindo uma camiseta do São Paulo. Depois da troca de roupa, o sertanejo simulou um comportamento supostamente afeminado, andou rebolando e deu pequenos pulos insinuando que, ao vestir o uniforme do time, teria trocado de sexualidade.

Historicamente, o time do São Paulo é alvo de ofensas homofóbicas vindas de torcedores rivais.

Nas redes sociais, a atitude do cantor repercutiu de forma negativa. No Twitter, apontaram o erro do artista, ressaltaram a luta contra LGBTQfobia no futebol e pediram um posicionamento das marcas patrocinadoras do evento.

Pedido de desculpas

Informado da má repercussão de seu comportamento entre o público, Zé Neto pediu desculpas: “Eu não acredito que as pessoas LGBTs estão bravos comigo, gente. Eu amo tanto vocês. Vocês são diferenciados. Eu tenho parentes na minha família.”, disse o cantor.

“Aproveitando o momento, isso aqui foi uma brincadeira, o pessoal brinca o negócio do São Paulo e tudo mais, sei que existem as causas, tenho pessoas na minha família que são de outras opções sexuais. A gente respeita todo mundo, cada um tem sua opinião, tem seu posicionamento”, disse o artista que foi interrompido e corrigiu, trocando “opção” por “identidade”.

Vieram me falar e o pessoal até falou que não era pra eu falar durante a live, mas aproveitando o momento, estou me retratando aqui. Gente é tudo uma brincadeira. É igual o pessoal tira sarro e brinca ‘ah, o corintiano é…’, vocês sabem, ‘o palmeirense é tal coisa’. É uma brincadeira. Se alguém se sentiu ofendido, do fundo do meu coração, essa não foi a minha intenção. A minha intenção foi brincar, a gente tá zoando”, falou Zé Neto ao vivo.

“Peço desculpas, aqui, ao vivo. Não estou preocupado se vão me cancelar, se vão fazer qualquer coisa. Eu estou falando por ter sentido que talvez eu tenha me expressado mal. Tenho gays na minha família, tenho gays como amigos, que trabalham comigo. Não tenho nenhum tipo de preconceito com ninguém que tenha um outro tipo de opção. Não é opção, a pessoa nasce desse jeito e a gente respeita. Eu tenho filhos novos, não sei o que eles vão ser futuramente”, discursou durante a transmissão vista por mais de 250 mil pessoas

Depois de citar Jesus, Zé Neto disse: “A minha vida é um livro aberto, eu compartilho minha esposa, meus filhos. Toda hora nas redes sociais eu brinco, sou desse jeito. Se quiser me aceitar, ótimo. Se quiser deixar de me seguir também, desculpa, sinto muito, mas eu não sou perfeito. Eu só brinquei”, continuou o cantor. “Já pedi desculpas, mas também não é obrigado a me desculpar”, finalizou.

Via Portalpopline