A atriz Jessica Biel se envolveu em uma polêmica quando esteve em uma reunião com o ativista Robert F. Kennedy Jr., que é publicamente contra a vacinação. Após o americano compartilhar o encontro nas redes sociais, seguidores da atriz fizeram duras críticas.

Com uma declaração publicada no Instagram, a atriz disse que defende o direito dos familiares de tomarem suas próprias decisões quanto à saúde dos filhos. Ela cita o caso de um casal de amigos cujo filho não pode se vacinar por questões médicas, por isso rejeita o projeto de lei SB276, que limitaria as isenções médicas de vacinas sem a aprovação de um oficial de saúde pública do estado da Califórnia.

“Esta semana eu fui a Sacramento para conversar com legisladores na Califórnia sobre um projeto de lei proposto. Eu não sou contra as vacinas – eu apoio as crianças que recebem vacinas e também apoio o direito das famílias de tomarem decisões médicas sobre seus filhos junto com seus médicos. Minha preocupação com o [projeto de lei] SB276 é exclusivamente sobre isenções médicas Meus amigos mais queridos têm um filho com uma condição médica que justifica uma isenção de vacinas e, se esse projeto for aprovado, isso afetaria muito a capacidade da família de cuidar de seu filho nesse estado. Por isso falei com legisladores e argumentei contra essa lei. Não porque eu não acredito em vacinas, mas porque acredito em dar aos médicos e às famílias que eles tratam a capacidade de decidir o que é melhor para seus pacientes e a capacidade de fornecer esse tratamento”, diz a nota publicada pela atriz no Instagram.

Jessica é mãe de Silas, de quatro anos, fruto de seu relacionamento com o cantor Justin Timberlake.

Clique aqui
Comentários