Reajuste de pedágio é adiado por 4 meses

0
126
DIVULGAÇÃO/ENTREVIAS

A Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Ar­tesp) postergou para daqui a quatro meses a atualização contratual anual das tarifas de pedágio da maioria das rodovias estaduais paulistas, conforme decreto publicado no Diário Oficial desta terça­-feira, 30 de junho.

O reajuste deveria entrar em vigor nesta quarta-feira, 1º julho, conforme estabelecido em con­trato válido para as rodovias das três primeiras etapas do Progra­ma de Concessões Rodoviárias. O adiamento também contem­pla as praças de pedágio da con­cessionária Entrevias, que teria atualização na próxima segun­da-feira, 6 de julho.

O reajuste, caso fosse apli­cado a partir de hoje, seria de 1,88% – inflação acumulada en­tre junho de 2019 e maio deste ano, segundo o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Am­plo (IPCA), indexador do Ins­tituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Apesar de reconhecer a legitimidade do reajuste tari­fário, a postergação leva em consideração o cenário de es­tado de calamidade pública, conforme decreto nº 64.879 de 20 de março de 2020, em razão da pandemia provocada pela covid-19, e mantém inalterado os valores das tarifas em vigor desde julho de 2019.

A data de reajuste das pra­ças de pedágio da concessioná­ria ViaPaulista, que ocorre em 23 de novembro, permanece inalterada. As cinco praças do sistema remanescente da con­cessionária Centrovias e, atu­almente, administradas pela concessionária Eixo-SP, tam­bém não terão alteração, pois já tiveram suas tarifas calculadas em outro processo, cujos va­lores estão em vigor desde 15 de maio deste ano, no início da nova concessão.

A malha sob administração da iniciativa privada no Estado de São Paulo tem 6,9 mil qui­lômetros de extensão, concedi­dos a mais de 20 empresas. Na região de Ribeirão Preto são 720 quilômetros de estradas sob a responsabilidade de qua­tro concessionárias – Arteris ViaPaulista, Entrevias, Tebe e AB Triângulo do Sol.

Na macrorregião, a tarifa mais cara, de R$ 16,90 por carro de passeio, é cobrada na Rodo­via Washington Luis (SP-310), em Araraquara, administrada pela AB Triângulo do Sol. A mais barata é a da praça de pedá­gio na Rodovia Orlando Chesi­nic Ometto (SP-323), em Monte Alto, a Tebe cobra R$ 6,10.

Mesmo no período de iso­lamento social, as concessioná­rias de rodovias paulistas, por estarem classificadas como ser­viço essencial, mantiveram as atividades operacionais nas vias, como obras, serviços de manu­tenção, atendimento ao usuário e prestação de socorro.

Também estabeleceram um protocolo de apoio aos motoris­tas, especialmente os caminho­neiros com diversas iniciativas, como campanha de vacinação, distribuição de kits de higiene e alimentação. Esse trabalho foi importante para a apoiar o abas­tecimento das cidades no perío­do da quarentena.

Valor das tarifas na região de RP
ViaPaulista (dois eixos e motos)
Rodovia Antônio Machado Sant’Anna (SP-255) em Guatapará
Tarifa para carros: R$ 12,80 (manual) e R$ 12,16 (automático)
Motos: R$ 6,40 (manual)
Via Anhanguera (SP-330) em Santa Rita do Passa Quatro
Tarifa para carros: R$ 7,30 (manual) e R$ 6,93 (automático)
Motos: R$ 3,60 (manual)
Via Anhanguera (SP-330) em São Simão
Tarifa para carros: R$ 7,30 (manual) e R$ 6,93 (automático)
Motos: R$ 3,60 (manual)
Rodovia Cândido Portinari (SP-334) em Batatais
Tarifa para carros: R$ 8,10 (manual) e R$ 7,69 (automático)
Motos: R$ 4 (manual)
Rodovia Cândido Portinari (SP-334) em Restinga
Tarifa para carros: R$ 8,10 (manual) e R$ 7,69 (automático)
Motos: R$ 4 (manual)
AB Triângulo do Sol
Rodovia Washington Luis (SP-310) em Araraquara
Tarifa: R$ 16,90
Rodovia Carlos Tonanni (SP-333) em Jaboticabal
Tarifa: R$ 13,70
Rodovia Laurentino Mascari (SP-333) em Itápolis
Tarifa: R$ 7,70
Entrevias
Rodovia Atílio Balbo (SP-322) em Sertãozinho
Tarifa para carros: R$ 6,20 (manual) e R$ 5,89 (automático)
Motos (50% da tarifa dos carros): R$ 3,10 (manual) e R$ 2,94 (automático)
Rodovia Armando Salles de Oliveira (SP-322) em Pitangueiras
Tarifa para carros: R$ 7,90 (manual) e R$ 7,50 (automático)
Motos (50% da tarifa dos carros): R$ 3,90 (manual) e R$ 3,70 (automático)
Via Anhanguera (SP-330) em Sales Oliveira
Tarifa para carros: R$ 9,80 (manual) e R$ 9,31 (automático)
Motos (50% da tarifa dos carros): R$ 4,90 (manual) e R$ 4,65 (automático)
Via Anhanguera (SP-330) em Ituverava
Tarifa para carros: R$ 11,90 (manual) e R$ 11,30 (automático)
Motos (50% da tarifa dos carros): R$ 5,90 (manual) e R$ 5,60 (automático)
Tebe
Rodovia Orlando Chesini Ometto (SP-323) em Monte Alto
Tarifa: R$ 6,10
Rodovia Faria Lima (SP-326) em Colina
Tarifa: R$ 9,10
Rodovia Comandante Pedro Monteleone (SP-351) em Pirangi
Tarifa: R$ 9,60
Obs.: nas rodovias das Entrevias e da ViaPaulista, as motos pagam metade do que é cobrado dos carros e os valores foram divulgados pelas concessionárias
Fontes: Artesp, concessionárias e Diário Oficial do Estado