Até pouco tempo, Porto de Galinhas, no litoral sul de Pernambuco, era apenas uma vila de pescadores de nome exótico e pouco explorada pe­los turistas. Mas no início dos anos 90, o destino, muito fa­moso por conta das suas belas paisagens e o seu imenso con­junto de recifes, cravados bem próximos à orla, deslanchou e se tornou um respeitável polo turístico. Hoje, atrai visitantes de todos os cantos do Brasil e do mundo. Uma vez no desti­no, conheça algumas atrações imperdíveis para se fazer em Porto de Galinhas!

Nade com peixinhos nas piscinas naturais
Os passeios de jangada até as piscinas naturais de Porto de Galinhas são im­perdíveis. A experiência de alimentar os peixinhos, de múltiplas tonalidades, a pro­pósito, é singular. A atração ganha forma nos arrecifes de corais nos períodos de baixa maré, que ocorrem em horá­rios específicos e é perfeita para todas as idades. Vale ressaltar ainda que durante o percurso, é possível conferir uma piscina, que tem o de­senho do mapa do Brasil. O passeio pode ser feito a par­tir da praia em frente à Praça das Piscinas Naturais.

FOTO: GRAZIELA CONSALTER

Mergulho de cilindro
Quem estiver procurando um pouquinho mais de aven­tura pode praticar mergulho de cilindro nos corais das piscinas naturais, na parede de arrecifes de Muro Alto ou até mesmo nos naufrágios, que se encontram nas praias de Porto de Galinhas. No total, são 10 os principais pontos de mergulho na região. Destaque para o “Galeão”, que é um antigo naufrágio situado a 35 metros de profundidade. Estima-se que a embarcação tenha afundado em 1700 a 18 milhas da costa de Serrambi. O Poço da Paixão também é op­ção, especialmente para os turis­tas que desejam apreciar a vida marinha, como polvos, lagostas linguados, moreias e etc.

Passeio de bugue de “ponta a ponta”
Atração turística devido a sua popularidade e alta procu­ra, os passeios de bugue pela região atendem a necessidade do turista de conhecer todas as praias de Porto de Galinhas. O trajeto mais comum é o de “Ponta a Ponta”, passando por todas as praias. De Muro Alto ao Pontal de Maracaípe. O itinerário demora cerca de 3h para ser concluído e inclui pa­radas estratégicas para banhos de praia e, quem sabe, uma cer­vejinha aqui e outra acolá.

FOTO: CRISTIAN LOURENÇO

Hospede-se em um hotel design na região
Que tal fazer da sua hospe­dagem em Porto de Galinhas uma atração turística? No Kembali Hotel, que é exclusivo para maiores de 18 anos, isso é totalmente possível. Ousado e descontraído, o local é a opção perfeita para quem busca uma nova experiência em um hotel de praia. Dono de uma atmos­fera contagiante e pra lá de ale­gre, consegue unir – e muito bem – tranquilidade, design, música e boa gastronomia em um só lugar. A decoração, a propósito, é um dos pontos fortes do negócio. Os detalhes criativos, dispostos em todos os cantos do Kembali são de saltar os olhos. Cercado pelas belezas de Porto de Galinhas, o hotel tem uma identidade pró­pria, que também fica eviden­te no tipo de hospedagem que oferece. São 63 apartamentos, cada um com uma decoração única e com varanda de frente para o mar.

Vá até a Praia dos Carneiros
Porto de Galinhas tem muitas atrações imperdíveis e a Praia dos Carneiros, na foz do Rio Ariquindá, é uma de­las. O destino, aliás, é o bate­-volta mais desejado do peda­ço. Destaque para a simpática igrejinha de São Benedito, postada rente à areia, sob os coqueiros, eternamente à es­pera dos fotógrafos de plan­tão. O passeio pode ser feito tanto na maré baixa, quanto na maré alta. Do centrinho de Porto de Galinhas até a praia são 53 quilômetros.

Comentários