Jornal Tribuna Ribeirão

Cidadania expulsa Fernando Cury

DIVULGAÇÃO/ALESP

O Diretório de São Paulo do Partido Cidadania decidiu na segunda-feira, 22 de no­vembro, por 27 votos a três, expulsar da agremiação o de­putado estadual Fernando Cury, flagrado por câmeras da Assembleia Legislativa (Alesp) apalpando, em plenário, a co­lega Isa Penna, do Partido So­cialismo e Liberdade (PSOL).

O Conselho de Ética Na­cional do Cidadania já havia se manifestado pela expulsão, mas o parlamentar conseguiu atrasar o procedimento recor­rendo ao Judiciário. Vídeo gra­vado por câmera da Alesp, no dia 16 de dezembro de 2020, mostra Cury passando a mão no seio de Isa Penna durante sessão extraordinária para vo­tar o Orçamento do estado.

A deputada registrou bo­letim de ocorrência contra o deputado por importunação se­xual e disse que seguirá na luta para que não haja espaço para outros assediadores. “Hoje o partido Cidadania não respon­deu a mim, não respondeu ao Fernando Cury. Hoje o Cidada­nia respondeu a todas mulhe­res que se sentiram assediadas junto comigo há quase um ano atrás. Sou uma deputada e entendo a demora desse resul­tado”, diz Isa Penna, em nota.

“A demora, no entanto, sem­pre me faz pensar nas mulheres que nunca verão seus assediado­res sendo punidos – seja porque não há respostas efetivas das instituições. Eu seguirei na luta para que não haja espaço para outros Fernando Cury, um exemplo do que não se deve fazer nem com as câmeras tele­visionando tudo, nem nos cor­redores de ônibus, nos becos, vielas, nos espaços de trabalho e nos lares do Brasil”, emenda.

A deputada disse ainda que a decisão era uma “vitória fe­minista”. “Afinal um homem eleito deve (ou deveria) enten­der que assédio é assédio. Que o Fernando Cury entenda que ele não responde mais a mim e sim à sociedade e ao ministério público”, finaliza.

Deputado
O deputado Fernando Cury diz, em nota, que o processo de desligamento está atropelando o devido processo legal para criar um fato político. “Em relação à reunião marcada pelo Cida­dania hoje para oficializar meu processo de desligamento do partido, afirmo que, no meu entendimento, esse processo está, mais uma vez, atrope­lando o devido processo legal para criar um fato político”.

Deixe o seu comentário:

Mais notícias

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com