Clube do Livro online vai debater ‘O Quinze’

0
27

Seguindo as orientações da Organização Mundial da Saúde (OMS) e do Ministé­rio da Saúde, o tradicional encontro do Clube do Livro, promovido mensalmente pela Fundação do Livro e Lei­tura de Ribeirão Preto, será realizado nesse sábado, 4 de abril, de forma online, atra­vés da plataforma de reuni­ões Zoom. A transmissão do encontro, com cada pessoa em sua casa, começa às 16 horas. Os participantes irão discutir a obra “O Quinze”, de Raquel de Queiroz (1910- 2003). O link de acesso estará disponível nas redes sociais da Fundação (Instagram e Facebook) ou através do site: https://fundacaodolivroelei­turarp.com/.

Segundo a curadora do projeto e bibliotecária, Ga­briela Pedrão, ter a oportu­nidade de continuar com o Clube do Livro durante a qua­rentena é muito importante, mantendo assim o compro­misso com todos os partici­pantes além de oferecer uma atividade para quem está em casa e que quer conhecer um pouco mais sobre o projeto. “Esperamos neste encontro nossos participantes e novos públicos também, como já vinha acontecendo, sempre a cada sábado, com um núme­ro maior de pessoas.”

“O Quinze”
A obra discutida, “O Quinze”, foi lançada origi­nalmente em 1930 e foi o primeiro e mais popular ro­mance de Rachel de Quei­roz. Ao narrar as histórias de Conceição, Vicente e a saga do vaqueiro Chico Bento e sua família, a autora expõe, de maneira única e original, o drama causado pela histó­ria da seca de 1915, que as­solou o Nordeste brasileiro, sem perder de vista os dile­mas humanos universais, que fazem desse livro um clássico da literatura.

“A obra também fala de um momento difícil, como esta­mos enfrentando agora, com readaptações e novas rotinas. Mesmo que não se trate da mesma situação, um de seca e o outro de pandemia, o livro nos faz repensar sobre a vida e o que vamos fazer daqui para frente”, relata Gabriela Pedrão. A atividade faz parte do Plano Anual da Fundação e conta com incentivo à cultura por meio do Programa de Ação Cultural (ProAC.) É gratuita e aberta a toda a população.