ALFREDO RISK/TRIBUNA

O Comercial apresentou mais três jogadores para a tem­porada 2019. Dois são novida­des, o outro é um velho conheci­do da torcida do Leão do Norte. O zagueiro Léo Coelho, 25 anos, e o goleiro Iago, 23 anos, foram contratados, já o meio-campista Cesinha, assinou com o bafo em definitivo após empréstimo.

Apesar de jovem, Léo Coe­lho tem experiência em divisões superiores a que vai disputar em 2019. Para ele, a troca de expe­riências é importante. “A gente que já rodou tem que sempre estar conversando, ensinando, mas também aprender. O Gut mesmo é mais novo que eu, mas está sempre me dando conse­lhos. É um passando para o ou­tro,” destacou Coelho.

Um dos remanescentes do elenco que conquistou o acesso para a Série A3, Cesinha des­taca a diferença entre a quarta e a terceira divisão do futebol paulista. “É um campeonato muito difícil, a gente sabe que vamos ser muito exigidos. É mais curto do que a bezinha, é mais qualificado também. Va­mos estar preparados a estreia e também todo o campeonato,” contou Cesinha.

Chegando para brigar por uma vaga no gol, Iago afirma que a disputa por posição será sadia e garante não ter medo da pressão de defender a meta comercialina. “É uma dispu­ta sadia, cada um respeitando o espaço do outro. A pressão existe em todos os lugares, é uma pressão que o goleiro pre­cisa estar sempre concentrado, mas que a gente se acostuma desde novo, porque goleiro não pode errar,” disse Iago.

Por hora, o Comercial encer­rou o ciclo de contratações. Se­gundo o executivo de futebol do clube, Léo Silvério, essa postura só será modificada em caso de uma oportunidade de mercado.

Comentários