Diretor de ‘A Pequena Sereia’ estreia primeira animação fora da Disney

0
24
Por Leandro Nunes

Com lançamento programado para este ano, o diretor Glen Keane comentou o trabalho de sua mais nova produção após deixar a Disney. Nome responsável por A Pequena Sereia e A Bela e A Fera, ele participou de uma coletiva virtual, para falar sobre da animação A Caminho da Lua, filme original da Netflix.

Na história, Fei Fei, uma jovem de origem chinesa, deseja conhecer a lendária deusa da Lua. Para tanto, ela se empenha em construir um foguete e alcançar a Lua. O musical narra a aventura da garota pelo satélite natural da Terra, que está repleto de criaturas escondidas.

Para trazer o cenário de uma típica família chinesa, o filme buscou inspiração em arquiteturas e elementos visuais em uma turnê pela região de Wuzhen and Nanxun, na China, conta Keane. “Visitamos esta maravilhosa cidadezinha de água que tornou-se a cidade de Fei Fei. E foi incrível. As pessoas nos convidavam para suas casas e nós temos que jantar com uma família chinesa. Eu nunca soube como era realmente na China, e as pessoas eram tão calorosas e amigáveis.”

O diretor também relembrou dos sucessos Disney, de A Pequena Sereia e A Bela e a Fera, com protagonistas mulheres, como em A Caminho da Lua. “Nós todos enfrentamos probabilidades impossíveis em nossa vida, nada pode parar um personagem que vê seu objetivo, de alguma forma, de Ariel viver fora do mar, é o mesmo tipo de faísca que existe em Fei Fei. Para uma menina de 12 anos, construir um foguete para a lua é loucura. Isto é impossível. Como isso vai acontecer? Nada vai impedi-la.”

Comentários