Higor Meritão afirma que Botafogo não vive má fase e que derrota diante do Brasil foi atípica

0
55
RAUL RAMOS/AGÊNCIA BOTAFOGO

O Botafogo voltou às ativida­des após o revés diante do Bra­sil de Pelotas, dentro do estádio Santa Cruz. A partida bem abai­xo do esperado diante dos gaú­chos está sendo encarada como atípica pela comissão técnica e jogadores do elenco.

Segundo Higor Meritão, au­tor do segundo gol do Botafogo no jogo, o resultado foi inespera­do e não pode ser considerado como uma má fase.

“Foi um resultado inespe­rado, o time deles é bom e veio com muita vontade de vencer. Não estamos vivendo uma má fase, a derrota foi circunstância de jogo. Precisamos ficar esper­tos, porque todos os times que nós perdemos, foram equipes que estavam abaixo de nós na tabela de classificação”, disse.

Volante de origem, Meritão tem boa qualidade de passe e chegada na área, o jogador foi questionado sobre a possibili­dade de atuar um mais avança­do, como armador de jogadas, já que o setor sofre com as au­sências de Nadson e Welling­ton Bruno. O volante foi enfáti­co ao afirmar que prefere atuar como volante.

“Eu tenho características ofensivas, boa aproximação dos meias, mas eu gosto mesmo é de atuar como volante, é o que eu sei fazer de melhor. Não tenho preferência por primeiro ou se­gundo, ambas as posições eu sei fazer.Aliás, nossos volantes tem essa característica de serem po­livalentes”. Afirmou.

Em boa fase, Higor Meri­tão está pedindo passagem. Entretanto, segundo ele, ser titular ainda é uma questão de momento.

“Eu acredito que tudo tem o seu momento certo. Se eu ainda não tive essa oportuni­dade de começar jogando, é porque o momento certo ain­da não chegou. Vou seguir trei­nando forte, para que quando a oportunidade chegar, eu es­teja pronto”, contou.

O próximo confronto do Botafogo será no sábado, dian­te do Guarani, no estádio Santa Cruz. Para Meritão, o duelo será difícil e vai exigir o máximo de concentração dos jogadores.

“Não tivemos queda de ren­dimento. O que ocorreu foi de­satenção em momentos impor­tantes da partida contra o Brasil. Temos que entrar mais ligados. Temos que estar atentos em to­dos os lances contra o Guarani. Será um jogo bem difícil nova­mente”, afirmou.

Após nove rodadas, o Bota­fogo ocupa a quarta colocação na Série B do Brasileiro com 16 pontos. O líder é o Bragantino, que tem 19 pontos.