Comercial entrou em campo disposto a decidir a partida no primeiro tempo, mas foi surpreendido

O Comercial foi derrotado por 3 a 2, pelo Audax, na noite desta quarta-feira (13) no estádio Palma Travassos, em jogo válido pela 7ª rodada do Campeonato Paulista da Série A3. Foi a segunda derrota da equipe na competição, a segunda em casa, resultado que interrompeu uma série de três vitórias consecutivas.

Mesmo diante do insucesso, o Leão permaneceu na terceira colocação, com 13 pontos, ao lado do Noroeste. O time de Edson Vieira deixou o campo aplaudido pela torcida. “Voltei fazendo gols, mas agora precisamos enfrentar o Capivariano e buscar a vitória,” disse o atacante Caio Vieira, autor dos dois gols do Bafo.

O Comercial entrou em campo disposto a decidir a partida no primeiro tempo. Diante de um adversário que ainda não havia vencido na competição, o Alvinegro se lançou ao ataque e foi surpreendido pelo contra-ataque mortal do Audax. “O time entrou em campo sabendo que eles fariam isso. Faltou malícia para matar essa jogada,” esbravejou Edson Vieira.

O primeiro gol dos visitantes saiu aos 33 minutos do primeiro tempo, quando o Comercial dominava a partida. Em um contra-ataque, o meia Giovanni recebeu a bola do atacante Marreta e bateu forte para o fundo do gol de comercialino. Cinco minutos depois, também em contra-ataque, o segundo gol, desta vez com Marcondeli.

No segundo tempo a pressão do Comercial aumentou. Aos nove minutos, pênalti a favor do Leão, que Caio vieira converteu, marcando seu quarto gol na competição. Enquanto a torcida ainda comemorava, aos 10 minutos, Marcondeli voltou a balançar a rede: 3 a 1. “Não podemos tomar três gols em casa,” desabafou Edson Pio.

Edson Vieira mexeu no time e passou a atuar com cinco atacantes, mas a bola não entrava. O goleiro Jefferson Romário, em noite inspirada, evitou foi uma parede que impediu o Comercial de chegar às redes do Audax.

O segundo gol do Alvinegro saiu aos 47 minutos, também assinalado por Caio Vieira, o quinto no campeonato. Daí para frente, até os 50 minutos, o Leão se lançou ao ataque, mas não havia mais tempo para chegar ao empate.

“Eu não posso reclamar desse time pela falta de entrega. Eles correm muito. Precisamos parar de ser frescos, soltar mais a perna. Precisamos ser mais contundentes,” afirmou Edson Vieira.

Foto: JF Pimenta Comercial joga bem, mas perde em casa para o fraco Audax

Comentários