o bar beagá não funcionava desde a morte do empresário/rede social

Funcionários tiveram contratos de trabalho rescindidos e o prédio foi devolvido ao proprietário 

 

O Bar Beagá fechou definitivamente.

Instalado no cruzamento das ruas Cerqueira César com João Penteado, na zona Sul de Ribeirão Preto, encerrou atividades depois de 16 meses funcionando.

A morte do empresário Miguel Francisco Puga Barbosa, 24, no dia 26 do mês passado, no interior do bar, resultou na decisão de “fechar as portas” .

Um laudo do IML (Instituto Médico Legal), segundo advogado da família da vítima, apontou que a morte do rapaz foi asfixia mecânica e estrangulamento. 

Uma briga registrada em imagens do circuito interno, mostraram Miguel Francisco imobilizado com um golpe conhecido como “mata-leão”, aplicado pelo segurança Jonathan William Bento.

Vinte funcionários do Baeagá tiveram seus contratos trabalhistas rescindidos e o imóvel já foi devolvido ao proprietário.

Comentários