O FAC não para durante a pandemia!

0
65

O FAC – Fraterno Auxílio Cristão da Cidade de Ribeirão Preto, embora siga todas as orientações de distanciamento social e cui­dados prescritos pela Vigilância Sanitária e Secretaria Municipal da Saúde, precisando por isso “limitar” suas atividades, não para durante a pandemia do novo coronavírus, causador da covid-19. As equipes dos dois Núcleos de Solidariedade do FAC, o Dom Hélder, com sede na rua Barão do Amazonas nº 881, no Centro, e o Dom Bosco, na rua Imigrantes Japoneses nº 1.065. no Parque Ribeirão Preto, coordenadas pela pedagoga Ana Cláudia Barbosa Cardoso Abe, não medem esforços para mesmo em meio à calamidade públi­ca decretada desde o dia 24 de março próximo passado, atender as 90 crianças com suas 61 famílias que atualmente são os “sujeitos” e a “razão de existir” do FAC.

Para que isso seja possível, são sensíveis os apoios do arcebispo metropolitano, Dom Moacir Silva, que tem dispensado incansável apoio aos trabalhos do FAC, bem como do atual Conselho Diretor, presidido pelo diácono Pérsio Luiz Dugaich, ancorado pelos demais membros da diretoria, especialmente pelo diácono Adélcio Guirão, recomendados por Dom Moacir.

Para amenizar os impactos da pandemia do coronavírus na comunidade das famílias assistidas no Núcleo de Solidariedade Dom Bosco, o FAC foi contemplado com inúmeras parcerias, que mere­cem a mais profunda expressão de gratidão. Os parceiros do FAC garantem às 61 Famílias das 90 crianças e adolescentes assistidos: cestas básicas, kits de higiene, material de limpeza, doces, verdu­ras e legumes por, pelo menos cinco meses, de março a julho, e se necessário, também para o tempo de pós-pandemia. Já as crianças e adolescentes executam suas atividades à distância, monitoradas pela Equipe Pedagógica!

Neste momento a gratidão, em nome dos irmãos mais necessi­tados, assistidos pelo FAC, remete-se ao Instituto Coca-Cola Brasil, Instituto Nova Era, Mesa Brasil, Senhora Amália Terezinha Balbo Di Sicco, Senhor Leandro Siqueira da Agily Tecnologia, captador de recursos junto a Empresas, como a Frances com a Ligia, Tadeu Donizete, Dulci e Rafael Viana da Ribeirão Web News, Senhora Alessandra Lucca Mesquita Romano do Programa “Geração do Bem”, Senhor Newton Pedro Mendonça, Dr. Nelson Augusto e Dra. Moema Rocha Augusto, Dr. Camilo e Ilze Xavier, Senhor Leandro, Amir Calil Dib, Pe. José Alceu de Souza Júnior, Pe. Nilton Peres de Sousa, Pe. Luís Fernando Ribeiro e Pe. Luís Gustavo Tenan Benzi, entre dezenas de outras pessoas de coração generoso!

Os projetos do FAC de fortalecimento de vínculos e a recupera­ção da dignidade das crianças, adolescentes e suas famílias, só são possíveis graças às parcerias, uma vez que a assistência social, com a outra pandemia chamada de “desigualdade crônica”, sempre recebeu a menor fatia do bolo, na destinação de recursos financeiros munici­pais, estaduais e federais.

Sintam-se convidados a continuarem a experiência da solida­riedade que esse tempo de pandemia tão bem revelou em dezenas de milhares de ações em favor dos que têm menos do que nós.
Tornem-se colaboradores voluntários ou contribuintes, adotando mensalmente, como faz o arcebispo metropolitano, uma criança do Núcleo Dom Bosco. Também é possível o cadastro da Nota Fiscal Paulista! Saibam como proceder: basta fazer-nos uma visita na sede do FAC – rua Barão do Amazonas nº 881, na esquina com a Prudente de Morais, no Centro de Ribeirão Preto, ligando (16) 3237-0942 ou fazendo seu depósito direto na conta do FAC: Banco do Brasil – Agência 4242-0 – Conta Corrente: 20029-8 – Fraterno Auxílio Cristão: CNPJ: 56.019.813/0001-88. “Deus ama a quem dá com alegria” (2 Cor 9,7).