Obras avançam na Nove de Julho

0
117
FERNANDO GONZAGA/CCS

Contempladas no Progra­ma Ribeirão Mobilidade, as obras de readequação viária no cruzamento das avenidas Nove de Julho, Antônio Die­derichsen e Portugal estão avançando e já tiveram 70% dos serviços concluídos. O local, que antes contava com uma rotatória para oferecer acesso às avenidas, está sendo reestruturado para que as vias se interliguem diretamente.

De acordo com o secretário de Obras Públicas, Pedro Luiz Pegoraro, a medida visa elimi­nar os gargalos, principalmen­te no horário de pico, quando passam cerca de 5,5 mil ve­ículos e 460 mil usuários de transporte público. “Nós co­meçamos em 25 de julho deste ano e, agora, estamos fazendo a base e o binder [etapa antes da capa final do asfalto, que significa um asfalto com pedra mais aberta”, diz.

“Acima dele é colocada a capa final]. Já começamos a tra­balhar em frente ao McDonald’s, onde estamos removendo todo o pavimento do trecho para exe­cutar um completamente novo”, afirma. Também já teve início a implantação das travessias de galerias de águas pluviais, guias e sarjetas. Além disso, está em andamento a demolição de um terreno para iniciar as adequa­ções viárias que irão permitir acesso direto da avenida Diede­richsen com a Itatiaia.

“Atualmente, para acessar a Itatiaia, o motorista precisa fazer um retorno na aveni­da Presidente Vargas, o que também causa gargalos e gera transtornos no trânsito”, ressal­tou o chefe da pasta. Os prin­cipais beneficiados serão os moradores dos bairros Centro, Vila Seixas, Santa Cruz do José Jacques e Jardim América.

A empresa DGB Engenha­ria foi contratada via processo licitatório para a execução dos serviços por R$ 5.828.355,27, provenientes de recursos do governo federal. Desde a tarde desta quarta-feira (4), a Empresa de Trânsito e Transporte Urbano (Transerp) mantém interditada a avenida Portugal, no trecho entre a rua João Godoy e a ave­nida Antônio Diederichsen.

Desta forma, os condutores que vêm da avenida Nove de Julho e da avenida Portugal de­verão utilizar a rua João Godoy, ao lado do posto de combustível, para acessar a rua João Penteado e a avenida Antônio Diederich­sen nos sentidos da avenida Pre­sidente Vargas ou para retornar a avenida Portugal. O novo acesso da avenida Antônio Diederich­sen pela avenida Nove de Julho estará fechado até a conclusão deste trecho de obra.

O trecho da avenida Nove de Julho e acesso à avenida Portugal sentido Centro esta­rão liberados para tráfego de veículos. Por causa da conti­nuidade das obras, a Transerp informa que as linhas 148 – Santa Cruz/Alto do Ipiranga, 203 – Ribeirânia e 204 – City Ribeirão passaram a cumprir outros trajetos.

Ribeirão Mobilidade
Os dois serviços fazem parte das 27 obras do Progra­ma Ribeirão Mobilidade, cujo objetivo é oferecer maior qua­lidade de vida aos usuários do transporte coletivo urbano, ga­rantindo agilidade e fluidez do trânsito, redução dos pontos de congestionamento e cria­ção de conexões diretas de um ponto a outro da cidade e, con­sequentemente, menos tempo dentro do ônibus.

Ao todo, serão 56 quilô­metros de corredores de ôni­bus percorrendo as principais avenidas do município, além de pontes, túneis, viadutos, re­capeamentos asfálticos, dupli­cação de avenida e abertura de vias públicas que proporciona­rão maior conforto a 4.154.118 usuários do transporte público. O investimento total se aproxi­ma de R$ 500 milhões, sendo R$ 310 milhões provenientes de recursos do Programa de Acelerção do Crescimento II – PAC da Mobilidade Urbana e do Saneamento e o restante, cerca de R$ 190 milhões, do Financiamento à Infraestrutu­ra e ao Saneamento (Finisa) e outras agências de crédito.

Já foram entregues as três pontes na avenida Francisco Junqueira, a duplicação da avenida Antônia Mugnatto Marincek – a popular “Estrada das Palmeiras” – e as quatro frentes de recapeamento con­cluídas e o recape da rua Tapa­jós. Em execução estão a recu­peração da Estrada do Piripau, ampliação da avenida Coronel Fernando Ferreira Leite, rea­dequação viária da praça Hé­lio Smidt, prolongamento da avenida Professora Dina Rizzi, o viaduto sobre o córrego Reti­ro Saudoso, os recapeamentos iniciados em outubro, recapes iniciados em 12 de novembro e o início da implantação do via­duto na avenida Brasil sobre a avenida Mogiana.