30 C
Ribeirão Preto
20 de abril de 2024 | 13:54
Jornal Tribuna Ribeirão
São Bento do Sapucaí, Cunha, Santo Antônio do Pinhal, Brotas e Olímpia se destacam no estado de São Paulo (Ken Chu - Expressão Studio )
Início » Plataforma revela os destinos mais acolhedores do Sudeste 
DestaqueTurismo

Plataforma revela os destinos mais acolhedores do Sudeste 

O Traveller Review Awards 2024 é uma premiação anual com base em mais de 309 milhões de avaliações verificadas, que reconhece prestadores de serviços de turismo e hospitalidade por sua excelência. Realizada pela plataforma de viagens Booking.com, uma das mais conhecidas, nesta semana a pesquisa revelou uma lista com os destinos mais acolhedores dos estados da região Sudeste. 

As cidades de São Bento do Sapucaí, Cunha, Santo Antônio do Pinhal, Brotas e Olímpia foram destaques no estado de São Paulo (veja nesta página os outros destinos no Sudeste). 

Segundo a Booking.com, a pesquisa é um reconhecimento anualmente feito a seus parceiros do turismo pelo seu compromisso com a hospitalidade e a excelência, incluindo acomodações, empresas de aluguel de carro e provedores de táxi, por meio do 

“O Sudeste oferece um turismo muito diversificado, que agrada a diferentes perfis de viajantes, desde aqueles que procuram lugares tranquilos de natureza, a cidades históricas e grandes capitais, com ricas programações culturais, boa gastronomia e vida noturna. Alguns destinos na lista de mais acolhedores desse ano que podemos destacar são Vitória, Tiradentes; Itaipava; e São Bento do Sapucaí”, disse Nelson Benavides, gerente da plataforma no Brasil. 

Em relação aos tipos de acomodação mais premiados pelo Traveller Reviews Awards 2024 no Brasil, os apartamentos ficaram em primeiro lugar (24.216 ganhadores), seguidos pelas casas de temporada (9.749) e hotéis (6.789). 

Os destinos mais acolhedores dos estados da região Sudeste 

Espírito Santo: Pedra Azul, Domingos Martins, Guarapari e Vitória 

Minas Gerais: Carrancas, Gonçalves, Monte Verde, Tiradentes e Capitólio 

Rio de Janeiro: Visconde De Mauá, Itaipava, Lumiar, Penedo e Teresópolis 

São Paulo: São Bento do Sapucaí, Cunha, Santo Antônio do Pinhal, Brotas e Olímpia 

 

 A estância climática de São Bento do Sapucaí é a porta de entrada para a Pedra do Baú – não, ela não fica em Campos do Jordão. O visitante vai conferir sua paisagem rústica com ar bucólico formado pelas casinhas simples, ruas de terras e encantos naturais da Serra da Mantiqueira. Há também pousadas charmosas e confortáveis escondidas em meio à vegetação nativa. Para quem gosta de esportes radicais pode praticar rapel, escaladas, caminhadas, voo livre, entre outras atrações.  (Aniello de Vita – Expressão Studio) 

 

Cunha fica na região do Vale do Paraíba. Nasceu como povoado na metade do século XVIII. O município foi criado em setembro de 1785, por Francisco da Cunha e Menezes. Reconhecida pela sua produção de cerâmica queimada em forno, desde os índios guaranis, passando pelas paneleiras. Até hoje esta tradição, sustenta boa parte da economia local (foto). Ideal para quem procura o aconchego da natureza bucólica, o requinte da comida caseira, e o ar puro da Serra do Mar, Cunha oferece total infraestrutura. As principais atrações da cidade são os passeios em trilhas ecológicas, as cachoeiras, e as fornadas de cerâmica que são apresentadas ao público. Faz parte dos Circuitos Rota da Liberdade e Caminhos da Corte. Para conhecer um pouco da história local, o turista pode percorrer “O Caminho do Ouro”, que abriga paisagens exuberantes, incluindo a vista panorâmica do litoral de Parati. Os museus e construções antigas e festas locais, são destaques para quem aprecia o turismo histórico-cultural. Tudo isto somado à hospitalidade do povo da região. 9Ken Chu – Expressão Studio )

 

Assim como Cunha e São Bento do Sapucaí, Santo Antônio do Pinhal também fica nas proximidades da cidade de Campos do Jordão no Vale do Paraíba. O município pertence ao Circuito Turístico da Mantiqueira e é envolvido pela Serra com o mesmo nome, considerada uma das mais belas serras do Brasil. A região é rica em atrativos naturais e diversidades culturais. O visitante pode conferir montanhas, picos, rios, vales e ecoturismo junto à natureza. Para quem busca aventura, opções não faltam, como escalada, rapel, arvorismo, trilhas, off-road, voo livre, entre outros.  (Ken Chu – Expressão Studio )

Brotas encanta pela diversidade natural e reserva ao visitante agradáveis surpresas como suas incontáveis trilhas ecológicas, corredeiras, cachoeiras e a inesquecível experiência das areias que cantam. Mantém características bastante significativas no que se refere à preservação de recursos naturais, pois retém uma grande parcela de mata nativa (cerrado e mata atlântica), abrigando uma considerável biodiversidade animal e vegetal. Seus recursos naturais, aliados ao incremento de produtos e serviços turísticos, tornam a estância, referência nacional em turismo de aventura e natureza, ecoturismo e turismo rural. (Ken Chu – Expressão Studio )

 

 

Olímpia fica a pouco mais de 130 km de Ribeirão Preto. Seu principal destaque turístico fica por conta de suas águas mornas naturais que acolhe os visitantes em parques aquáticos com muitos atrativos e toda infraestrutura da qual o turista precisa para um, ou vários dias de lazer. A cidade abriga também praias artificiais, igreja, museus e tradicionais eventos regionais e histórico-culturais. São conhecidos também seus bares e restaurantes com gastronomia variada. (Rogerio Parra )

Mais notícias