GOVERNO DE SÃO PAULO

O governo de São Paulo adquiriu 190 novas viaturas para renovar a frota da Su­perintendência de Polícia Técnico-Científica (SPTC) em todo o Estado. Para aqui­sição dos veículos, que já começaram a ser distribuí­dos aos Núcleos e Equipes subordinadas aos Institu­tos de Criminalística (IC) e Médico-Legal (IML), foram investidos mais de R$ 10,9 milhões. A iniciativa visa proporcionar mais segurança e qualidade ao trabalho poli­cial na área de perícia.

A compra das novas via­turas foi realizada por meio de uma ata de registro de preços, realizada em 2020 e que teve como vencedora a Renault. Os veículos adquiri­dos são do modelo Duster e cada um custou R$ 57,4 mil. Além deles, a SPTC recebeu outras 18 viaturas do modelo Logan, da mesma fabricante, como parte de uma doação feita pela Polícia Civil no mês de maio deste ano.

Os novos veículos come­çaram a ser entregues neste mês para todo o território paulista, contemplando a ca­pital e Grande São Paulo e as regiões de Ribeirão Preto, Americana, Araçatuba, Ara­raquara, Bauru, Campinas, Presidente Prudente, Santos, São José do Rio Preto, São José dos Campos, Sorocaba.

Também está prevista a aquisição de outras sete viatu­ras para a SPTC, que está em fase de licitação. Destas, três furgões descaracterizados, dois para o transporte de provas e um para o atendimento biop­sicossocial itinerante; um veí­culo para remoção de animais nos atendimentos de crimes ambientais e outros três para a recolha de cadáveres.

Com esta aquisição, a atual gestão do governo do Estado já investiu mais de R$ 457,2 mi­lhões para a compra de uma quantidade superior a 6,4 mil novas viaturas, beneficiando a Polícia Militar, Polícia Civil e Polícia Técnico-Científica, incluindo ainda o Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar Ambiental e Rodoviária. Neste número também estão incluí­das 175 viaturas com proteção balística, que proporcionam mais segurança aos policiais civis e militares nas atividades de policiamento preventivo, ostensivo e no combate ao cri­me organizado.