SANTA LYDIA – Concurso será neste domingo

0
206

A Fundação Hospital Santa Lydia promove neste domin­go, 3 de junho, as provas refe­rentes ao processo seletivo nº 001/2018, que aconteceriam no dia 27 de maio. O concurso oferece onze vagas paras profis­sionais da área da saúde. O ho­rário e o local do certame não foram alterados – às nove ho­ras, na sede da Estácio/Uniseb, na rua Abrahão Issa Halack nº 980, no bairro da Ribeirânia.

Os candidatos vão disputar vagas de auxiliar de consultório dentário (20 horas semanais), auxiliar de consultório dentá­rio (36 horas), auxiliar de con­sultório dentário (40 horas), auxiliar de cozinha, biomédico, biomédico com especialização em microbiologista, enfermei­ro, enfermeiro do trabalho, farmacêutico, fonoaudiólogo, porteiro, recepcionista e técni­co de enfermagem.

O motivo da remarcação das provas para este domingo, justifica a superintendência da Fundação Hospital San­ta Lydia, foram as evidentes dificuldades e risco à livre lo­comoção e deslocamento dos candidatos de Ribeirão Pre­to e região diante da crise de abastecimento de combustíveis e suspensão de circulação do transporte público coletivo ur­bano na cidade, devido á greve dos caminhoneiros autônomos – os ônibus não foram às ruas domingo passado.

Poderão participar do pro­cesso seletivo apenas os can­didatos que tiveram o creden­ciamento deferido. Deverão comparecer ao local da prova com antecedência mínima de trinta minutos da hora marca­da para o início (até as 8h30), munidos de documentos de identidade original que cons­te Cadastro de Pessoa Física (CPF/MF) ou acompanhado deste, se for o caso.

O candidato também deve­rá levar caneta de tinta azul ou preta, lápis preto e borracha. O candidato deverá imprimir o comprovante eletrônico de confirmação de inscrição for­necido e manter consigo para apresenta-lo nos locais de rea­lização das provas.

No dia 25, segundo o Di­ário Oficial do Município (DOM), a comissão organi­zadora do concurso publicou comunicado para informar o resultado dos recursos apre­sentados por candidatos que tiveram suas inscrições inde­feridas. No dia 22, o DOM trouxe o indeferimento das inscrições de milhares de can­didatos. Desses, 95 apresenta­ram recurso e 87 foram aten­didos – e a Fundação Hospital Santa Lydia manteve os oito restantes fora do certame.