Senado inocenta presidente Trump

0
14
JIM BOURG

O Senado dos Estados Unidos votou por 53 a 47 para inocentar o presidente Donald Trump também do segundo quesito da acusa­ção contra ele, de obstrução ao Congresso. Pouco antes, a Casa, de maioria republicana, havia inocentado Trump da acusação de abuso de poder. Desse modo, o presidente americano ficou livre do ris­co de impeachment.

Anteriormente, a Câma­ra dos Representantes, de maioria democrata, havia de­cidido pelo impeachment de Trump, por causa da pressão feita pelo presidente para que a Ucrânia investigasse um ri­val político, o ex-vice-presi­dente Joe Biden.

O presidente dos Esta­dos Unidos afirmou, em seu terceiro discurso sobre o Es­tado da União e o último do primeiro mandato, que “anos de decadência econômica ter­minaram”. “Os dias daqueles que usavam o nosso país, apro­veitavam-se dele, estando até desacreditado junto de outras nações, ficaram para trás”, declarou na terça-feira (4).

O discurso estava cheio de críticas à administração de Barack Obama (2009- 2017), que não mencionou, e que deixou entusiasmados republicanos, mas não de­mocratas. Ao final do dis­curso do Estado da União, a presidente da Câmara dos Representantes, Nancy Pelo­si, rasgou uma cópia do dis­curso do presidente.