A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) de Pernambuco realizou um estudo e concluiu que terminais de ônibus são os lugares de maior contaminação por Covid-19. A pesquisa foi feita no Recife e colheu amostras de superfícies de várias partes da cidade como terminais, arredores de hospitais, parques, mercados públicos e barracas de praia.

De todos os locais analisados, a pior situação foi encontrada no transporte público. Foram colhidas amostras de bancos de ônibus, escadas, corrimãos, pegadores e outras partes. Tudo o que foi removido passou por testes de RT-PCR.

Terminais de ônibus e a Covid-19

Terminais de ônibus tiveram quase metade de suas amostras contaminadas com Covid-19. Em segundo lugar ficarem os arredores de hospitais e em terceiro outros ambientes, como supermercados, parques e barracas de praia.

O motivo disso se dá pela grande concentração de pessoas dentro dos ônibus e terminais. Nesse locais ainda existem contatos na hora de pagar, passar o cartão, se segurar, descer escadas e etc.

A Fiocruz recomenda que as autoridades aumentem as frotas e ampliem os avisos de cuidados dentro dos ônibus e terminais. Além disso, é necessário uma fiscalização mais aprimorada.

Via Olhardigital