Tribuna Ribeirão
DestaqueEsportes

Botafogo perde com gol contra no final e estaciona na lanterna da Série B

Contra Novorizontino, Pantera vive mais uma noite pouco inspirada no Santa Cruz

O Botafogo teve mais uma noite para esquecer, agora contra o Novorizontino - Foto: Raul Ramos

Por Hugo Luque

O Botafogo foi derrotado pelo Novorizontino, por 1 a 0, pela sétima rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, nesta segunda-feira, em casa. O gol foi contra, de Carlos Manuel, aos 44 minutos da etapa final. Com o resultado, o Pantera estacionou na lanterna da competição nacional, com quatro pontos, e parece longe, ao menos dentro de campo, de deixar a zona de rebaixamento.

Na tabela, contudo, a situação não é tão complexa. Uma vitória deve fazer a equipe se afastar da degola. O problema é que, para isso, é necessário marcar gols, e o ataque tricolor tem se mostrado inoperante. Com mais um jogo sem anotar, a equipe completará um mês sem balançar as redes antes da próxima rodada.

Na próxima segunda-feira, às 20h, o Bota volta a campo diante do Santos, na Vila Belmiro, para tentar reagir em meio à crise.

O jogo

A exemplo da baixa temperatura em Ribeirão Preto, o jogo também começou morno, para não dizer frio. No duelo entre duas equipes que, juntas, marcaram um gol nos últimos 23 dias, aconteceu o esperado: poucas chances claras de gol.

Visitante, o Novorizontino deixou o Botafogo mais com a bola ao longo dos 90 minutos e o primeiro lance no ataque foi tricolor, aos 14 minutos, com Alex Sandro, que finalizou com um voleio, mas parou em Jordi. Seis minutos depois, o Tigre respondeu com Paulo Vitor, que não levou grande perigo a João Carlos, arqueiro que parece ter tomado o posto de Michael. Aos 34, o zagueiro Bernardo Schappo preocupou ao deixar o gramado de maca e ser substituído.

De volta ao ataque, ainda deu tempo de o time da casa criar mais duas chances, com Negueba, que por pouco não contou com uma falha de Jordi para marcar, e Bochecha, que finalizou sem perigo. Pelo lado visitante, Lucca obrigou João Carlos a fazer uma boa defesa. Mas foi apenas isso antes da ida aos vestiários.

Na segunda etapa, novamente, pouca criatividade e muitas jogadas pelos lados do gramado botafoguense, que já viveu dias melhores. Aos oito, o lance mais perigoso até então: Baggio serviu Bochecha, na área, que bateu de primeira e fez Jordi demonstrar bons reflexos para espalmar.

O relógio se tornou inimigo tricolor e deixou a torcida impaciente. Na reta final, ainda com a bola em jogo, as arquibancadas começaram a protestar. Negueba, então, tentou responder. Aos 42, o ponta foi acionado em cobrança de escanteio e teve seu gol tirado em cima da linha por Eduardo.

Sem forças para criar mais oportunidades, o Botafogo viu seu adversário aproveitar, no minuto seguinte, um grande vacilo para sair de Ribeirão com a vitória. Neto Pessoa, ex-Pantera, saiu em disparada no contra-ataque, limpou Carlos Manuel e ficou de frente para o gol. Desesperado, o volante tentou se recuperar no lance, mas, na hora de desarmar o aurinegro, encobriu João Carlos e fez o gol contra que selou a terceira derrota em sete jogos do Tricolor na competição. O time continua, assim, sem vencer na Série B.

Postagens relacionadas

Neuer garante Bayern motivado para Mundial: ‘Queremos o 6º título da temporada’

William Teodoro

DDM vai monitorar agressores em SP 

Redação 2

Carille quer agradecer a Ceni por Gustagol

Redação 1

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade. Aceitar Política de Privacidade

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com