Tribuna Ribeirão
Geral

Lula tem 32,4%, Bolsonaro 19,8% e Marina 12,1%

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) venceria as eleições presidenciais em todos os cenários, mostra pesquisa CNT/MDA divulgada nesta terça-feira, 19, pela Confederação Nacional dos Transportes (CNT). O depu­tado federal Jair Bolsonaro (PSC­-RJ) aparece em segundo lugar em todos os cenários testados.

Segundo o levantamento, Lula teria hoje 20,2% das in­tenções de voto espontânea para presidente, ante 16,6% no levantamento CNT/MDA di­vulgado em fevereiro deste ano. Em seguida, aparecem Bolso­naro, com 10,9% (ante 6,5% em fevereiro); seguido pelo pre­feito de São Paulo, João Doria (PSDB), com 2,4% (ante 0,3% em fevereiro).

Doria aparece na frente até mesmo da ex-senadora Mari­na Silva (Rede) e de seu padri­nho político, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB). Se as eleições fossem hoje, Marina teria 1,5% das in­tenções de votos espontânea, ante 1,8% em fevereiro, en­quanto o governador paulista teria 1,2%, ante 0,7% no levan­tamento anterior. O senador Aécio Neves (PSDB-MG), apa­rece em último, com 0,3%.

A soma de brancos/nulos ou indecisos chega a 48,2% das intenções de voto em setembro, ante 67,8% em fevereiro. Esses valores têm como base a consulta de intenção de voto espontânea, quando não é apresentado ne­nhum nome aos entrevistados.

No cenário de consulta esti­mulada, quando os nomes dos candidatos são apresentados aos entrevistados, Lula também lidera nos três cenários da pes­quisa com três diferentes can­didatos do PSDB. No primeiro, contra Aécio, Lula tem 32,4%, seguido por Bolsonaro, com 19,8%; Marina Silva, com 12,1%; Ciro, 5,3% e Aécio, com 3,2%.

No segundo cenário, em que o candidato seria o atual governa­dor de São Paulo, Lula tem 32% das intenções de voto, seguido por Bolsonaro, com 19,4%; Ma­rina Silva, com 11,4%, Alckmin, com 8,7%; e Ciro, em último lu­gar, com 4,6%. No cenário com Doria como candidato, Lula tem 32,7%; Bolsonaro, 18,4%; Marina, 12%; Dória, 9,4% e Ciro, 5,2%.

2º turno – Se as eleições presidenciais ocorressem agora, num eventual segundo turno, Lula venceria em todos os ce­nários, de acordo com pesquisa. De acordo com o levantamento, o adversário mais competitivo em 2018 seria o deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ). Neste ce­nário, Lula venceria com 40,5% contra 28,5% do parlamentar.

O porcentual de Bolsonaro é próximo, contudo, do conquis­tado por Marina Silva (Rede), a segunda adversária mais com­petitiva diante do ex-presiden­te. Ela ficaria com 25,8% ante 38,9% do petista. Marina apre­sentou uma queda, contudo, em relação ao último levantamento. Em fevereiro, ela tinha 27,4% contra 38,9% do petista, num eventual segundo turno.

O senador Aécio Neves (PS­DB-MG) tem o pior desempenho contra Lula, entre os possíveis candidatos tucanos. O mineiro atinge 14,8% na pesquisa contra 41,8% do candidato do PT. Esses valores têm como base a intenção de voto estimulada.

A 134ª pesquisa CNT/MDA foi realizada entre os dias 13 e 16 de setembro. Foram ouvidas 2.002 pessoas, em 137 municí­pios de 25 unidades federativas, das cinco regiões. A margem de erro é 2,2 pontos percentuais, com 95% de nível de confiança.

Postagens relacionadas

Rival do Brasil, Sérvia anuncia pré-lista de 27 convocados para a Copa do Mundo

Redação 1

SP: Conselho de Enfermagem apura denúncias de fraude na vacinação

Redação 1

PUBLICIDADE: Doar sangue é um ato nobre

Redação 1

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade. Aceitar Política de Privacidade

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com