Tribuna Ribeirão
DestaqueGeral

Namorados vão gastar até R$ 392

Pesquisa do Sebrae-SP mostra que o consumidor pretende gastar R$ 392, em média, com presentes na data, principalmente com vestuário, joias e bijuterias (Reprodução)

Os consumidores pretendem gastar R$ 392, em média, com presentes para o Dia dos Namorados este ano, o que deve beneficiar cerca de 446 mil pequenos negócios do Estado de São Paulo, segundo pesquisa do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae-SP).  
 
O valor a ser desembolsado representa um aumento médio real já descontada a inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 16,4% na comparação com a data no ano passado. 
 
De acordo com o levantamento “Dia dos Namorados e pequenos negócios”, os itens com maior intenção de compra para a data são os de vestuário, citados por 45% dos consumidores; joias e bijuterias e acessórios foram mencionados por 33% dos entrevistados; flores estão na lista de 24% dos consultados e produtos de cuidados pessoais apareceram com 24% das preferências.  
 
Já 35% disseram pretender celebrar a data fora de casa, em restaurantes, pizzarias ou bares. Dos 446 mil pequenos negócios do Estado de São Paulo que devem se beneficiar com o Dia dos Namorados, 384 mil são microempreendedores individuais (MEIs) e 62 mil micro e pequenas empresas. 
 
“É importante que os empreendedores do varejo façam um planejamento para aproveitar a data e faturar mais. Isso significa observar o mix de produtos ou serviços oferecidos, montar combos, fazer promoções e realizar uma boa divulgação para, dessa forma, se sobressair em meio à concorrência”, afirma a analista do Sebrae-SP, Marcia Shizue Kikuchi. 
 
Fator decisivo no momento da compra é o preço: fator alegado por 47% dos entrevistados. A qualidade do produto é o mais importante para 39%. Por sua vez, ofertas e promoções são o grande atrativo para 36% dos entrevistados. Na hora de pagar, o cartão de crédito deve ser o mais usado – preferência de 72% das pessoas consultadas; o cartão de débito vem em seguida, com 51% das intenções. O uso de dinheiro vivo deve ser utilizado por 24%. 
 
A pesquisa revela que 55% dos consumidores planejam a compra com antecedência. Já 58% deles disseram que a antecedência gira em torno de sete dias. Dentro do planejamento estão as fontes de informação para a compra: 69% tendem a consultar lojas, shopping centers e lojas de redes e 47% consideram recomendações de outras pessoas. 
 
A compra presencial tem a preferência de 37% dos consumidores; 33% pretendem comprar metade presencialmente e metade pela internet; e 21% afirmaram que devem comprar apenas pela internet ou realizar a maioria das compras pelo meio digital. A pesquisa “Dia dos Namorados e pequenos negócios” foi elaborada a partir de duas sondagens.  
 
A sondagem com consumidores, pessoas físicas, foi realizada por e-mail, pela Praxian Consultoria. O levantamento foi feito entre 17 de abril e 9 de maio. A segunda sondagem, com a opinião dos empreendedores, foi realizada por telefone. O estudo teve a colaboração da Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados (Seade). 
 
 

Postagens relacionadas

MARP recebe oficina de bordado livre

Redação 2

Brasil teve 24 ataques a escolas; mais da metade nos últimos 4 anos

William Teodoro

Sexta-feira é dia de mutirão de emprego

Redação 1

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade. Aceitar Política de Privacidade

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com