Tribuna Ribeirão
Cultura

Sinfônica abre ensaio para jovens

As crianças e jovens da rede de ensino municipal irão par­ticipar na manhã desta sexta­-feira, 15 de setembro, às nove horas, no Theatro Pedro II (rua Álvares Cabral nº 370, Centro), do segundo encontro do proje­to “Ensaio Aberto de Orques­tra”, uma parceria da Fundação Dom Pedro II com a Secretaria Municipal da Educação e a Or­questra Sinfônica de Ribeirão Preto (Osrp).

Realizado uma vez por mês, sempre à véspera das séries da Orquestra Sinfônica – “Concer­tos Internacionais” e “Juventude tem Concerto” –, o projeto terá sessões até novembro. Além das crianças e jovens da rede de en­sino, o público que tiver vonta­de de conhecer o projeto pode prestigiar o ensaio.
Ao todo, cerca de 500 crian­ças e jovens terão a oportunida­de de acompanhar os bastidores da Orquestra Sinfônica de Ri­beirão Preto.

A Osrp é a mais antiga em atividade ininterrupta no Brasil e através do projeto os estudan­tes podem conhecer seus instru­mentos, interagir com o maestro e os músicos. Os alunos terão a oportunidade de ter contato com a música, além de conhe­cer a grandiosidade do terceiro maior teatro de ópera do Brasil, o Theatro Pedro II.

“Os pais sempre fazem um esforço para proporcionar aos filhos o acesso ao Theatro Pe­dro II, um palco fantástico, um lugar belíssimo e o melhor, com a nossa Orquestra Sinfô­nica. Unir tudo isso é muito importante para nós”, explica a presidente da Fundação Dom Pedro, Mariana Jábali, sobre a importância da formação de uma plateia jovem, de um novo público para o teatro.

A secretária municipal da Educação, Suely Vilela, diz sobre como essa parceria irá ajudar na formação cultural dos alunos. “A cultura é elemento fundamental para o fortalecimento da cida­dania e para o desenvolvimento dos processos de ensino e apren­dizagem. Ao apoiar uma inicia­tiva tão significativa quanto esta, estamos investindo na qualidade da formação pedagógica de nos­sos alunos”, disse Suely.

“O ‘Ensaio aberto da Orques­tra’ possibilitará contato mais ín­timo entre artistas e público. A arte é o agente transformador de uma sociedade e a Orquestra e Theatro irão abrir as portas da imaginação dos jovens alunos, possibilitando a eles uma melhor oportunidade de desenvolvi­mento da cidadania”, destaca o maestro Reginaldo Nascimento.

Postagens relacionadas

Grupo lança selo de ficção científica

Redação 1

Academia Livre de Música e Artes apresenta recitais gratuitos

Redação 2

Tom Cavalcante no Pedro II

Redação 1

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade. Aceitar Política de Privacidade

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com