Tribuna Ribeirão
Cultura

‘Trinca de ases’ chega a RP

O show “Trinca de ases”, que reúne Gal Costa, Gilberto Gil e Nando Reis, estreou em São Paulo no início de agosto e no fi­nal do ano, às vésperas do Natal, chegará a Ribeirão Preto. Além de estarem os três o tempo intei­ro no palco, em todas as forma­ções vocais possíveis (trios, due­tos e solos), o trio levará ao palco do Centro de Eventos do Ribei­rãoShopping, em dezembro, mais dois músicos de primeira linha: o baixista pernambuca­no Magno Brito, integrante da banda Sinara, e o percussionista baiano Kainan do Jêjê, que traba­lha com Ivete Sangalo.

O show será numa quarta­-feira, 20 de dezembro, a partir das 21 horas. Os ingressos estão à venda no site www.ingressora­pido.com.br (Ingresso Rápido) ou na bilheteria do Centro de Eventos. Custam R$ 110 (setor Premium, a meia-entrada sai por R$ 55), R$ 190 (setor Pre­mium Extra, meia a R$ 95), R$ 480 (VIP A), R$ 380 (VIP B), R$ 540 (VIP Extra) e R$ 600 (VIP Especial), mas estão sujei­tos à alteração. Nos setores VIPs, menores não entram mesmo acompanhados, pois funcionam no sistema “open bar” (com be­bida alcoólica). Também não há meia-entrada para estas áreas.

Já nos setores Premium quem não tem 18 anos está libe­rado, desde que acompanhando por um responsável. O Centro de Eventos do RibeirãoShopping fica na avenida Coronel Fernan­do Ferreira Leite nº 1.540, Jardim Califórnia, Zona Sul. O telefone para mais informações é (16) 3620-2266.O local tem capaci­dade para receber 1.830 pessoas.

A meia-entrada é válida para estudantes e professores de escolas públicas e particulares (mediante apresentação de documento com­probatório como carteirinha da instituição, boleto de mensali­dade ou holerite), aposentados (com documento específico), idosos acima de 60 anos (com cédula de identidade, o RG) e cadeirante e com um acom­panhante (apenas um) com a comprovação do benefício.

A moça, o rapaz maduro calejado pela idade e o menino impetuoso e viril. Gal Costa, Gilberto Gil e Nando Reis são apresentados assim em “Trin­ca de ases”, música inédita do baiano que batiza o show. “Três mosqueteiros, três patetas, três poetas da canção”, como descri­tos em outro verso da canção, juntos para celebrar a história de cada um, como elas se cruzam e o novo que brota do encontro.

A reunião foi realizada pela primeira vez no ano passado, em Brasília, em homenagem ao centenário de Ulysses Guimarães – idealizada pelo jornalista Jorge Bastos Moreno. Naquela noite de caráter especial, realizada quase sem ensaio, mostrou-se a potência da união: o diálogo dos violões de Gil e Nando, a voz de Gal revendo as canções do amigo baiano e reve­lando outras cores da estranheza pop do paulistano e sua “mú­sica ruiva”, que ela nunca tinha cantado. Agora, esta potência aparece lapidada – e ampliada.

Ao longo da travessia, can­ções entraram na barca — até mesmo na última hora. Por sugestão do produtor Marcus Preto, Gal se apoderou de “Meu amigo, meu herói”, de Gil, suces­so na voz de Zizi Possi. A pedido de Gal, foram incluídas as can­ções “Retiros espirituais”, tam­bém de Gil, e “Lately”, de Stevie Wonder, que Nando começa cantando em inglês e ela segue em português, na versão de Ronaldo Bastos (“Nada mais”, hit de Gal nos anos 1980). O re­pertório traz ainda três inéditas: “Trinca de ases” (de Gil), “Dupla de ás” (de Nando Reis) e “To­carte”, letra de Gil e que recebeu música de Nando.

Postagens relacionadas

Arena Blues terá Vanessa Collier

Redação 1

Tributo a vozes icônicas no Sesi

Redação 1

Lulu Santos faz show em RP

Redação 1

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade. Aceitar Política de Privacidade

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com