Os corpos foram encontrados na sala e quartos da residência

Leonardo dos Reis Andrade, de 43 anos, teria matado a mulher, Rosa Ana Andrade, 39, e o filho dos dois, Bruno Aparecido Andrade, que faria 21 anos hoje, com tiros de espingarda 44 enquanto dormiam. Depois do crime, tirou a própria vida na sala do imóvel com a mesma arma. Ele é ex-policial militar.

A tragédia aconteceu no início da tarde desta segunda-feira (10), na rua Antônio Malaquias Pedroso, no bairro Bandeirantes, em Sertãozinho.

Os policiais militares foram chamados por vizinhos, que escutaram estampidos parecidos com sons de disparos de arma de fogo na residência.

Na revista domiciliar, os corpos foram localizados na sala e nos quartos do imóvel. A perícia trabalha na cena dos crimes.

A reportagem do Tribuna Ribeirão atualiza informações confirmadas.

 

Comentários